• Georgina Morelli Matos

BOTICÁRIO LANÇA LINHA DA CUIDE-SE BEM EM PARCERIA COM A BUBBALOO


O lançamento da Boticário em parceria com a Bubbaloo conta com 07 produtos da linha:

- Sabonete em Barra

- Sabonete em Calda Corporal

- Loção Hidratante Desodorante

- Loção Hidratante Desodorante

- Creme Hidratante para Mãos

- Body Splash Desodorante Colônia

- Gloss Labial Intense


Este lançamento está repercutindo muito nas redes sociais, em diversos formatos de conteúdo, inclusive em blogs, sites de notícia e youtube. Mas, por trás desse viral na internet, existe uma estratégia de marketing muito bem planejada.


Quando duas marcas se unem, multiplicam as forças e, dependendo do tamanho delas, o assunto da colaboração para um produto pode repercutir na internet naturalmente, sem a necessidade de pagar matérias e influenciadores digitais.


Então, imagine o caso de uma colaboração entre uma empresa de 44 anos, que tem cerca de 3200 lojas só pelo Brasil (Boticário), com uma marca de um produto dos anos 90 tão nostálgico para uma geração que tem poder de compra e conexão emocional com as duas marcas em questão. A própria estratégia de lançamento da linha envolvia o review dos produtos feito por centenas de influenciadores digitais pelo Brasil, antes mesmo da linha estar disponível para comercialização.


O produto sequer é encontrado na loja e já vimos vídeos, stories e reels falando sobre o lançamento e analisando cada produto da linha, dando as primeiras impressões e detalhes de textura, uso e embalagem. Além disso, a novidade invadiu os blogs de notícias, o que fez as duas marcas ganharem notoriedade sem ter que desembolsar nada a mais do que o projeto de lançamento dos produtos já envolvia. E mais, você acha que só farão vendas de produtos da linha? Posso apostar que haverá aumento no consumo da própria goma de mascar bubbaloo e de outros produtos da Boticário, cabe as empresas fazerem o seu trabalho de vendas.


Novidades como essa fazem veículos de comunicação quererem ser pioneiros na divulgação, virando referência para a audiência no quesito "furo de notícia". Assim como também o efeito manada faz com que as pessoas queiram fazer parte do movimento e busquem logo o produto para consumir.


O lançamento acaba virando um "assunto comum". Você acessa as mídias sociais e produtores de conteúdo estão todos falando desse assunto. Naturalmente ele vira tema de conteúdo, de conversa, de notícia e, neste caso, aciona o botão da ‘necessidade de pertencimento’ nas pessoas, fazendo com que de alguma forma elas queiram ser parte do contexto. Isso não se restringe ao público produtor de conteúdo, que está aproveitando a onda de um assunto viral, mas também ao consumidor final, que acaba replicando a notícia e fazendo uso desse 'assunto comum' para se conectar e abrir conversa com outras pessoas.


Nós temos necessidade natural de conexão. Nos conectar com as pessoas através do 'assunto comum' fica mais fácil. Empresas adoram explorar isso! E porque não?


Podemos falar também da nossa conexão com marcas e empresas, além de pessoas.

Quando nos relacionamos com uma empresa criativa, inovadora, que promove boas emoções e conexões que transcendem o uso original de seus produtos e serviços, essas empresas geram experiências! E não há acaso ou sorte nas empresas que conseguem ir além da função original de seus produtos, criando uma marca apaixonante.

Não tem sorte, e nem ‘só foi sucesso porque é empresa grande’.


Há planejamento, pesquisa, plano de ação, execução e acompanhamento dos resultados. Ou seja, muito marketing na veia!

7 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo